Impunidade Sustentável

Países desenvolvidos estão focados na ideologia sustentável. São defensores a causa e sancionam politicas serias para o controle da geração de resíduos sólidos, controle do desenvolvimento agrário, emissão de gases, vemos o Poder Brasileiro em crise, propondo propostas de retrocesso ao desenvolvimento do país.

No cenário atual já temos o desalinhamento da geração e consumo versus retorno e reciclagem de subprodutos ao ciclo produtivo, como conter a sustentabilidade brasileira com a degradação ambiental atrelada ao novo código florestal, problemática da Politica Nacional de Resíduos Solidos?

Cenário ainda mais agravante em se tratando de acordos setoriais, onde planos municipais e estaduais preveem retorno e destinação adequada de resíduos para o ano de 2030. Medicamentos vencidos estão dentro desta probabilidade. Assustador, quando sabemos que alguns tipos de resíduos sólidos são altamente poluidores e trazem malefícios a sociedade.

O progresso trouxe ao país, melhores condições de vida do Ser Humano, porem também trouxe consigo problemas ambientais que nos foram intoxicando aos poucos, lesando-nos lenta, constante e irreversivelmente. Relato ao qual, nunca nos preocupamos antecipadamente com esta problemática, e sim, acordamos hoje, onde isto já é a realidade.

A logística reversa hoje, de forma que vem sendo proposta, tenta solucionar causas impossíveis. Humildemente, defendo a causa de que a logística reversa se inicia no processo fabril do produto e disposição ao mercado. Na pré-engenharia já se deve saber a melhor forma de desmonte e retorno dos produtos, seguido do gerenciamento do ciclo de vida dos mesmos. Isto infelizmente esta longe da nossa realidade. Já sabemos dos principais fatores da geração da poluição tendo origem essencialmente homem e estando diretamente relacionada com os processos de industrialização e a consequente urbanização da humanidade, como seguir com essas propostas sustentáveis no Brasil?

A maior riqueza nossa é a diversidade de fauna e flora, temos como proposta de trabalho elimina-las? Não vem ao caso argumentar e discutir os absurdos de propostas deste novo código florestal, isso se resolve neste simples símbolo ($).

Quando realmente vamos sair da informalidade, de discussão de retrocessos e caminharmos realmente para propostas de progresso?

Contrassenso sustentável

Por: Renato Binoto

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s