O cooperado de Coleta Seletiva é gente!!!

Será que ainda podemos ter duvidas que o problema ambiental do Brasil é social?

Social sim e não somente ao passo das pessoas não separem seus resíduos sólidos em seco e húmidos e, sim, o problema social em se tratando de educação. Educação? O que é educação, seria respeito ao próximo, acredito que seja o primeiro passo.

Tive o prazer de ministrar uma palestra junto aos Cooperados da ACACIA, Cooperativa de Resíduos Sólidos Urbanos de Araraquara e novamente presenciei a revolta e tristeza destes lutadores e sobreviventes de um sistema precário, sem infraestrutura e que na maioria dos casos não tem suporte publico. Relataram-me novamente o descaso urbano em se tratando da sociedade não os respeita-los. Falta de respeito ao não fornecer um copo de água, a não separar o resíduo de forma correta, onde os mesmos triam os potenciais recicláveis e reutilizáveis em meio a resto de resíduos orgânicos, seja ele resto de comida.

1000894_406745232771354_2045525853_n

Perante politica nacional de resíduos sólidos, em se tratando de responsabilidade compartilhada, vale alertar a população que seja pessoa física ou jurídica, todos teremos um papel importante ao passo de dispor de forma adequada nosso resíduo solido gerado, desta forma, estaremos cumprindo nosso papel e caso contrário, assumiremos o risco de sermos multados devido o desrespeito legal.

Dentro dos acordos setoriais, estabelecidos pela lei, cabem as cooperativas um papel fundamental para coleta dos nossos resíduos gerados em nossas residências e os mesmos tendo suporte público e privado, podem agregar valor a esses resíduos com benefícios primários e secundários na cooperativa e sim retorna-los ao reciclo fabris vendendo diretamente a esses pontos de acesso, quebrando os atravessadores da cadeia reversa.

Desta forma, gostaria de atentar a sociedade para um respeito maior a esses lutadores, onde fazem muito pelo meio ambiente, muito mais do que qualquer legislação ou mesmo nossos filhos plantando uma árvore.

Vamos novamente se atentar a isso e salvar a raça humana e não o meio ambiente. Temos sim, que criar infraestruturas as cooperativas no Brasil de forma digna, ergonômica e educacional para que o sistema viabilize e otimize o volume de resíduos a serem coletados.

1001055_406746602771217_1775923871_n

Para quem não respeita o cooperativismo, hoje coletamos na maioria das cidades, no máximo de 4% de tudo que geramos. A logística reversa começa com o cidadão evitando, minimizando, caso gere resíduo, seu papel fundamental e como cidadão ético, respeite o cooperado.

Por : Renato Binoto

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s